segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

Avé Maria do Povo

Avé, Avé Maria,
mulher de um carpinteiro
e mãe do homem novo,
Senhor do mundo inteiro.
Avé mulher do povo,
Maria camponesa
que trazes sangue novo
ao corpo da tristeza.

Ouve esta nossa voz,
nós rogamos por nós,
por nós que estamos sós
e quase abandonados.

Senhora da má sorte
sem culpa concebida,
nós não pedimos a morte,
nós só pedimos a vida.

Ouve esta nossa voz,
nós rogamos por nós,
por nós que estamos sós
e mal-aventurados.

Senhora da ternura,
Senhora da alegria,
teu fruto está maduro.
É quase um novo dia,

Natal, Natal.

Poema de José Carlos Ary dos Santos.
Interpretado por Simone de Oliveira e gravado no lado B do viníl da "Desfolhada Portuguesa", em 1969.
Imagem: Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição - Seixal.

2 comentários:

Anónimo disse...

Boas!
Eis a minha surpresa! Uns bons 15 minutos a executá-la lool:

Ao nosso amigo,
que no passado dia fez anos
queremos dizer, em jeito de conversa,
algumas coisas que pensamos.

Sugestões, ideias vagas,
Críticas boas, alguns sermões.
Tentar que vás lendo
E percebendo
As nossas reflexões e razões,
Para te rogarmos pragas!

Começamos pelos defeitos,
Para acabarmos em beleza
Ainda no começo, já pensamos no fim,
Olha a nossa destreza!

Começamos pela tua maneira
De, no blog, expressar o dia-a-dia
Embora seja quase mensal...
Pedimos que não leves a mal
A nossa insistente mania
De não comentar sobremaneira!

(Portanto, e para compensar,
Vamos agora comentar.)

Às vezes vale mais,
Em vez de poemas do Ary,
Pôr poemas não comerciais.
E que tal feitos por ti?

Podem não ser tão harmoniosos,
Nem rimar tão bem...
E ter até alguns clichés!
Mas mostram como és,
O pensar que a tua cabeça tem,
Aos nossos olhos ramelosos.

Queremos, também, dizer
Que a fotografia do Seixal
Sendo bonita e integrante,
não está nada mal!

Por isso, no geral,
deves variar mais os temas:
Além da Simone de Oliveira,
Ainda que boa cantadeira,
Há mais artistas e dilemas
Fora do nosso Seixal.

São apenas sugestões
E, fazendo um balanço,
Não está nada mal!
Por isso, ah e tal
Um beijo e um abraço
Das manas Perdigões

Ma'rcia disse...

Barradas, actualiza isto xD